Facebook não matou o alcance orgânico, seu conteúdo que não agrada

É notável que o Facebook tem reduzido o alcance orgânico, alguns dizem que é para vender mais anúncios e outros, como eu, dizem que é por não haver espaço para todos no feed de notícias, muita concorrência quem ganha são os melhores.

Em teoria o que o edge rank faz é mostrar o conteúdo que ele acha que mais vai agradar seus usuários, uma plataforma baseada no usuário (e não nas empresas).

Já escrevi anteriormente como o Facebook privilegia histórias que sejam relevantes para seus usuários, análise suas publicações, elas interessam para seus seguidores? Ou são apenas para vender seus produtos/serviços?

Nesta notícia ele usa como base apenas um post de uma página, seria como pegar uma pessoa que morreu ao beber água e dizer “água mata”.
Ou como eu pegar este post de uma página que administro e dizer que o Facebook está entregando minhas publicações para mais pessoas.

]

Esta publicação foi feita em uma página que possui cerca de 9 mil fãs, é justo eu fazer um post aqui falando isto? Não, claro que não, foi um caso isolado, de um conteúdo que os seguidores desta página queriam.

Não coloque a culpa na ferramenta se você não faz o seu trabalho bem feito, pesquise, análise e entenda.

O Temo Mori (Social Media Cast) fez uma rápida análise da página da Mercardo E-commerce e fez algumas considerações no grupo Facebook Ads – Brasil:

Vcs chegaram a olhar na página do Mercado E-Commerce? Ficam dias, sem postar, depois semanas, depois fazem 3 posts em 30min, dae mais um dia sem postar, postam a “postagem teste” e depois de 1h fazem uma nova publicação. No minimo sem parâmetro de comparação para “deduzir” a redução do alcance.

Outro comentário interessante que surgiu foi o do João Paulo, WebingPro, no grupo Digitais SC:

O grande problema é que as pessoas não entendem que devem procurar o tipo de conteúdo que o seu público quer consumir e, muitas vezes, esse conteúdo não é ficar falando sobre sua empresa ou sobre suas promoções, pelo contrário, falar sobre o seu mercado.

Na WebingPro nós paramos de investir em anúncios quando chegamos em 900 likes. Hoje só postamos os posts do nosso blog, que em pouco mais de 5 meses já teve mais de 4k de views únicos, além de 300 likes 100% orgânicos no Facebook e novos clientes

Enquanto as empresas não perceberem que elas devem compartilhar conteúdo relevante e inteligente com os seus consumidores, estamos “condenados” a ler esse tipo de coisa (Facebook matou o alcance orgânico de vez) por ai.

É lógico que houve uma drástica queda no orgânico, mas ainda assim, “o seu conteúdo que é chato mesmo!” hahahaha

Até mesmo o Jon Loomer resolveu escrever sobre este tema, que parece ter surgido nos Estados Unidos. Muito bem lembrado por ele, o que aconteceu foi que o Facebook reduziu o alcance de publicações consideradas promocionais.
Leia aqui.

Nesta última sexta houve a gravação do Social Media Cast e a pauta principal foi a “Não morte do alcance orgânico”,  ouça no player abaixo a opinião de Temo Mori, Alaina Paisan e Samuel Gatti.

Editado

Post que saiu agora pela manhã na página do Mercado E-commerce:

 

 

Amante de tecnologia e interatividade desde pequeno, não pode ver uma LED piscando que quer entender o por que. Profissional de Marketing e Comunicação Digital desde 2011 já tendo atuado em diversos projetos, reconhecido principalmente pelo conteúdo que compartilha e debates em que participa.
Reconhecido em 2016 como uma das principais referências em Facebook Ads no Brasil.

Deixe seu comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *